Fuzzy testing

Adicionado ao Go 1.18, essa nova feature para testes promete ajudar a melhorar muito nosso código, já que com ela conseguimos testar inputs diferentes do que adicionamos em nossos testes, cobrindo assim uma gama muito maior de possibilidades.

Antes de continuar, se você caiu aqui mas prefere ver esse tutorial em vídeo, vou deixar aqui o link para um vídeo do nosso canal no YouTube onde mostramos essa belezinha em ação => Como implementar Fuzzy Test em Go.

Continuando….

Vamos imaginar que temos a seguinte função implementada.

Leia mais »

Testando API’s feitas com gorilla/mux

Algumas semanas atrás implementamos uma API utilizando gorilla/mux (link do post). No entanto, deixamos de lado algo que é muito importante, os famosos testes. Por isso, nesse post vamos corrigir essa falha e adicionar alguns testes ao nosso projeto.

Para começar, vamos criar um arquivo com o nome de hello_test.go dentro da pasta handlers. Nesse arquivo vamos adicionar um teste para a função HandleHello.

func TestHandleHello(t *testing.T) {
}

Com a função de testes iniciada, a primeira coisa que vamos fazer é criar uma struct anônima para nos auxiliar com uma massa de dados para teste. Dessa forma conseguiremos testar o mesmo endpoint com vários inputs diferentes.

Leia mais »

Escrevendo testes unitários

Testes unitários nos ajudam muito a tentar manter a quantidade de bugs baixa, já que podemos testar várias hipóteses de forma automática. E por ser automatizada, a cada mudança que fazemos, os testes unitários também nos ajudam a garantir que não quebramos o sistema em partes que nem tocamos mas que dependem das mudanças que fizemos.

Embora exista alguns packages que ajudam na escrita dos testes unitários, a recomendação do time de desenvolvimento da linguagem é que os testes sejam escritos usando o package nativo da linguagem, pelo simples fato de que um package externo pode adicionar algum bug ou realizar algum teste de forma incorreta.

Antes de começar a escrever os testes, vamos criar um arquivo chamado soma.go e escrever uma pequena função que soma N valores.

package soma


func Soma(valores ...int) (total int) {
    for _, valor := range valores {
        total += valor
    }

    return
}
Leia mais »