Otimizando funções com memoize

Em ciência da computação, memoize ou memoization é uma técnica de otimização que faz um cache do resultado de uma função com base nos parâmetros passados para ela.

Essa técnica faz com que a execução real da função só aconteça a primeira vez que o parâmetro ou conjunto de parâmetros é passado, pois como fará um cache do resultado, ao receber os mesmos parâmetros, retornará o valor que está armazenado no cache.

Antes de utilizar a técnica, vamos criar duas funções. A Primeira para calcular o fatorial de um número.

func fatorial(n int) int {
    total := 1
    for i := 2; i <= n; i++ {
        total *= i
    }

    return total
}
Leia mais »

Como fazer benchmark do seu código

Muitas vezes quando vamos escolher um novo framework ou alguma lib, buscamos benchmarks para que nosso programa tenha a melhor performance possível. Isso é ótimo! Mas você já parou para fazer um benchmark do seu programa para tentar entender onde ele pode ser otimizado? Não sabe como? Então vamos ver como fazer.

A funções de benchmark ficam dentro dos arquivos *_test.go e tem, por convenção, o nome BenchmarkSuaFunc.

Muito similar a quando escrevemos testes, vamos usar o pacote testing do go, mas especificamente vamos usar o testing.B como parâmetro da nossa função de benchmark.

Para começar vamos aproveitar uma das funções do post “Qual a melhor forma para aumentar um array?“.

Leia mais »

Quando usar/evitar append em seus programas

Nesse post vamos falar sobre como a função append funciona e quando devemos evitar sua utilização.

Em resumo, a função append nos ajuda a expandir um array, ou seja, se houver um array de tamanho 3 onde precisamos adicionar mais um item, o append irá aumentar o tamanho desse array para que ele comporte esse novo item.

Agora, você já se perguntou como isso acontece e qual o impacto na performance do seu programa?

Antes de falar sobre o append, vamos falar um pouco sobre como o Go armazena um array na memória.

Leia mais »