Como utilizar go-chi para rotas e middleware

Durante muito tempo, gorilla/mux era o meu router favorito na hora de escrever APIs. Porém, desde que fiz o post sobre benchmark comparando gorilla/mux e go-chi (link para o post), meu router favorito tem sido o go-chi, pois sua performance é bem superior. E para ajudar, recentemente o projeto do gorilla/mux ficou sem mantenedor. ☹️

Por isso, resolvi fazer esse post para mostrar tudo o que você pode fazer com go-chi.

Para começar, vamos escrever um código muito simples para criar uma rota com o verbo GET.

Leia mais »

Benchmark dos routers http: chi vs gorilla mux

Até pouco tempo atrás eu nunca tinha ouvido falar sobre o go-chi. Foi durante uma reunião de trabalho que o Marcos Filho comentou sobre. Na mesma hora eu já anotei aqui na lista de idéias de posts para o blog para fazer uma comparação entre ele e o gorilla/mux.

Meus testes foram basicamente escrever um simples server http com a rota /{name}. Nesse server utilizei a ferramenta wrk para um teste de carga. Também escrevi um benchmark da própria linguagem para verificar, além de quanta porrada ele aguenta, o quanto de recurso os routers consumem.

Para fica mais simples, vou separar as comparações em três partes, onde nas duas primeiras vou apresentar os resultados individuais e por fim uma conclusão.

Então, para começar, vamos ver os resultados do router mais famoso do mundo Go.

Leia mais »